Arena Walcyr Monteiro vibra com sarau de Hip Hop no último dia da Feira

O sarau do Movimento Hip Hop Organizado lotou a Arena Walcyr Monteiro, da 23ª Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes, neste domingo (1), último dia do evento. O público foi ao delírio com desafios entre os dançarinos do ritmo e apresentações dos DJs Ênfase e Negrada e da DJ Nani, representantes oficiais do Hip-Hop Gospel no Estado do Pará.

“Pra nós é uma honra muito grande estar aqui na Feira do Livro, com esse público maravilhoso aplaudindo nosso trabalho que já foi tão discriminado pela sociedade”, disse o DJ Ênfase, que é pastor titular a Igreja Evangélica Torrente do Norte e formado em Teologia e Pedagogia.

“Estamos muito felizes por essa oportunidade e agradecemos ao Governo do Estado por frequentar a Feira do Livro e encontrar essa plateia incrível” completou a DJ Nani, voz feminina na batalha dos DJs.

O Movimento Hip Hop organizado tem a finalidade de resgatar, por meio da música e da dança, os jovens que estejam envolvidos com o mundo da criminalidade ou uso de drogas.

Segundo Domingos Santos, as vidas resgatadas são levadas para projetos de educação, música e incentivo educacional. O rapaz comanda há 15 anos um grupo hip hop organizado no bairro do Icuí, em Ananindeua.

“Cada convite que recebemos é uma honra”, disse. O público foi ao delírio com a apresentação dos dançarinos e o ritmo contagiante do hip hop no último dia da Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes de 2019.

Serviço:

A 23ª Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes foi uma ação do Governo do Pará por meio da Secretaria de Cultura (Secult) que aconteceu entre 24/08 e 01/09 no Hangar Centro de Convenções e Feiras da Amazônia. O evento esteve aberto para visitação entre 10h e 21h com entrada franca.

Texto: Gabriel Marques
Fotos: Ricardo Amanajás